terça-feira, 17 de outubro de 2017

IMAGENS: EDUARDO LIMA



Resultado de imagem para imagens eduardo lima


Resultado de imagem para imagens eduardo lima


Resultado de imagem para imagens eduardo lima


Resultado de imagem para imagens eduardo lima



Resultado de imagem para imagens eduardo lima



Resultado de imagem para imagens eduardo lima


Resultado de imagem para imagens eduardo lima


***

Resultado de imagem para imagens eduardo lima

Eduardo Lima é um artista plástico baiano, casado, pai dois filhos. Nascido em 1977 na cidade de Capim Grosso, interior da Bahia, atualmente mora na cidade de Barreiras (BA).

Autodidata, desde os dez anos de idade se destaca pelo seu talento artístico. Trabalhou como frentista e pintava nas horas vagas. Hoje, dedica-se exclusivamente à arte: pintura em tela. Já participou de várias exposições coletivas e individuais no Brasil e no exterior. Apaixonado pelo trabalho e por suas raízes nordestinas, Eduardo Lima retrata através de suas pinceladas a simplicidade, o cotidiano e a cultura do nordeste.

Fonte texto: ateliereduardolima.xpg.uol.com.br
Fonte imagens: Arquivo Google

***

VEJA OUTROS TRABALHOS DE LIMA

Resultado de imagem para imagens eduardolima

Apaixonado pela arte e por suas raízes nordestinas, Eduardo Lima retrata através de suas pinceladas a simplicidade, o cotidiano e a cultura do nordeste.
http://orlandosilveira1956.blogspot.com.br/2017/04/imagens-eduardo-lima.html#comment-form

FOTOGRAFIAS: CRISTIANO MASCARO



Avenida Nove de Julho (São Paulo, SP)  

Avenida Nove de Julho (São Paulo, SP)






Convento de Nossa Senhora da Luz  

Convento de Nossa Senhora da Luz






Mercado Municipal 01  

Mercado Municipal 01





Edifício Copan  

Edifício Copan





Fonte na praça  

Fonte na praça





Teatro Municipal restaurado  

Teatro Municipal restaurado


ca. 1991 | Cristiano Mascaro

 

Igreja de São Bento  

Igreja de São Bento





Interior da Estação Consolação do Metrô  

Interior da Estação Consolação do Metrô



***



Cristiano Mascaro (Brasil, São Paulo, Catanduva, 1944) é fotógrafo, arquiteto e professor. Formado em arquitetura pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU/USP), é um dos mais importantes fotógrafos da capital paulista e de sua arquitetura, que documenta sistematicamente há mais de duas décadas. Entre seus trabalhos mais importantes, há registros do interior do Estado de São Paulo e de patrimônios históricos de todo o Brasil. Iniciou a carreira fotográfica em 1968, quando foi convidado a participar da primeira equipe da revista Veja.



FONTE DE TEXTO, FOTOS E LEGENDAS:

ENCICLOPÉDIA ITAÚ CULTURAL

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

IMAGENS: LOUISE MOILLON


Resultado de imagem para imagens louise moillon


Resultado de imagem para imagens louise moillon


Resultado de imagem para imagens louise moillon

Resultado de imagem para imagens louise moillonResultado de imagem para imagens louise moillon


Resultado de imagem para imagens louise moillon

Louise Moillon, certamente, foi uma das maiores pintoras no barroco francês (1610-1696). Em algumas pinturas, acrescentou pessoas junto às naturezas mortas. Embora injustamente pouco conhecida, suas pinturas já atingiram valores consideráveis em leilões internacionais.



Fonte: www.aeol.com.br






IMAGENS: ROSÂNGELA BORGES



Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


***

Resultado de imagem para IMAGENS ROSANGELA BORGES


Maria Rosângela Monteiro Borges nasceu em 1976, em Bezerros, semiárido pernambucano. Em 1991, acometida por uma forte depressão, foi estimulada pelo marido, o xilogravurista Manacés Borges [filho do Mestre J. Borges] a começar a pintar. Sua arte apresenta características totalmente diferentes das do marido e do ilustre sogro. Seus trabalhos estampam a arte naïf, um estilo que retrata cenas populares com muita cor e vivacidade. A artista explica que os seguidores dessa tendência, também conhecida como arte ingênua, são geralmente autodidatas e têm um jeito simples de representar o cotidiano. Em suas telas Rosangela retrata as brincadeiras das crianças, a vida do sertanejo e os maracatus. Seus trabalhos fazem parte de coleções particulares na França, nos EUA e em diversos Estados do Brasil.


Fonte: Museu do Brinquedo Popular

FOTOGRAFIAS: ROBERT CAPA (2/2)




BARCELONA - 1936



ESPANHA - 1936


ESPANHA - 1936


ESPANHA - 1937



ESPANHA - 1938


CHINA - 1938


CHINA - 1938

***

Resultado de imagem para imagens robert capa
GOOGLE


Robert Capa foi um fotógrafo húngaro. Nasceu em Budapeste em 22 de outubro de 1913 e faleceu em 25 de maio de 1954 no Vietnã. É considerado um dos mais célebres fotógrafos de guerra. Cobriu os mais importantes conflitos da primeira metade do séc. XX: a Guerra Civil Espanhola, a Segunda Guerra Sino-Japonesa e a Segunda Guerra Mundial na Europa. É de Robert Capa uma das mais célebres frases de fotografia de guerra: “Se as fotografias não são suficientemente boas, é porque não se está suficientemente perto”.

domingo, 15 de outubro de 2017

HORA DA VITROLA: JESSÉ



Resultado de imagem para imagens de porto

PORTO SOLIDÃO
De Gincko / Zeca Bahia

Se um veleiro
Repousasse
Na palma da minha mão
Sopraria com sentimento
E deixaria seguir sempre
Rumo ao meu coração
Meu coração
A calma de um mar
Que guarda tamanhos segredos
De versos naufragados
E sem tempo

Rimas, de ventos e velas
Vida que vem e que vai
A solidão que fica e entra
Me arremessando
Contra o cais
Se um veleiro
Repousasse
Na palma da minha mão
Sopraria com sentimento
E deixaria seguir sempre
Rumo ao meu coração

Meu coração
A calma de um mar
Que guarda tamanhos segredos
De versos naufragados
E sem tempo

Rimas, de ventos e velas
Vida que vem e que vai
A solidão que fica e entra
Me arremessando
Contra o cais
A solidão que fica e entra
Me arremessando
Contra o cais






FOTOGRAFIAS: ROBERT CAPA (1/2)



BARCELONA - 1939



EUA - 1939


ITÁLIA - 1943


ITÁLIA - 1943


TUNÍSIA - 1943


ITÁLIA - 1944


FRANÇA - 1944

***

Resultado de imagem para imagens robert capa
GOOGLE


Robert Capa foi um fotógrafo húngaro. Nasceu em Budapeste em 22 de outubro de 1913 e faleceu em 25 de maio de 1954 no Vietnã. É considerado um dos mais célebres fotógrafos de guerra. Cobriu os mais importantes conflitos da primeira metade do séc. XX: a Guerra Civil Espanhola, a Segunda Guerra Sino-Japonesa e a Segunda Guerra Mundial na Europa.  É de Robert Capa uma das mais célebres frases de fotografia de guerra: “Se as fotografias não são suficientemente boas, é porque não se está suficientemente perto”.